TOP 10: Os livros que todo médico deveria ler

Livros para médicos? Sim! Selecionamos uma lista com 10 Livros que todo médico deve ler!

Assim como no cinema, a literatura tem sido uma permanente fonte de inspiração para que as pessoas decidam por um caminho profissional. São inúmeras obras que tratam de temas médicos de forma romanceada ou não, enfocando diversos aspectos que permitem despertar o interesse acerca da ciência médica.

Livros que proporcionam tanto aos estudantes quanto aos profissionais em início de carreira conhecimento, conscientização e motivação para sua formação e certeza de que está no caminho certo em sua escolha, mesmo com todos os percalços, dilemas e desafios.

1- O Físico 

10 Livros que todo médico deve ler - O Físico

Trata-se do cultuado best-seller do escritor americano Noah Gordon, que também fez bastante sucesso no cinema desde o seu lançamento em 2014. É o primeiro de uma trilogia, mesclando romance, sensualidade, aventura e fatos históricos, tendo como pano de fundo a Idade Média e as Cruzadas. Rob J. Cole encarna um jovem inglês que é aprendiz de cirurgião-dentista no século XI. O livro acompanha sua peregrinação para estudar Medicina no tempo em que a dissecação de humanos era proibida pela Igreja Católica e as melhores escolas médicas ficavam no mundo árabe. Ao mostrar as dificuldades comuns, fica patente que a realidade da Medicina é igual em qualquer lugar do mundo e período histórico.

 2- Médicos de Homens e de Almas

10 Livros que todo médico deve ler - Médicos de Homens e de Almas

Um dos títulos mais citados e lidos pelos profissionais mais experientes. A autora Taylor Caldwell estudou intensa e profundamente, durante muitos anos, a obra do evangelista São Lucas, protetor dos Médicos, para romancear sua trajetória com uma narrativa emocionante, sem economizar nos detalhes históricos. Ao abordar também as fraquezas do protagonista, ela aproxima o leitor da realidade e sempre lembra que o médico é uma pessoa como qualquer outra, que também ama e odeia, sofre, adoece e morre. E que ser médico implica em pensar, tendo uma visão da realidade que o cerca, para que possa também tratar das “almas”, como o apóstolo Lucas.

3- O Imperador de Todos os Males: uma biografia do Câncer

10 Livros que todo médico deve ler - O Imperador de Todos os Males: uma biografia do Câncer

Obra que rendeu ao cancerologista Siddhartha Murkhejee o Prêmio Pullitzer de 2011. A história é real e o médico faz uma narrativa profundamente humana da doença cujo nome muitos ainda receiam pronunciar. Com uma linguagem bastante acessível, descreve sucintamente as etapas do processo repleto de idas e vindas da pesquisa da enfermidade, com suas promessas de vitórias e a decepção das recaídas. Também mostra sem máscaras alguns tratamentos radicais, como a mastectomia e a quimioterapia, além de abordar a importância tardia dada à prevenção. Tem tecnologia e ciência. Mas, principalmente, a marca do humanismo de um oncologista que convive diariamente com o drama de seus pacientes.

4- O Século dos Cirurgiões

10 Livros que todo médico deve ler  - O Século dos Cirurgiões

Na era pré-anestesia, o século XIX é um marco histórico para os cirurgiões, pois assinala o período em que a Medicina conheceu a cirurgia sem dor. No livro, Jurgen Thorwald aborda as raízes históricas da Medicina Moderna e apresenta histórias e relatos, vivenciados por Henrique Estevão, seu avô, por quem tinha grande orgulho e admiração. É a partir daí que descreve todo processo de surgimento da anestesia, com um belo relato do trabalho dos famosos pioneiros e de sua contribuição para o progresso das cirurgias. A obra é indicada não só para os especialistas, mas também para os leigos, que tomam conhecimento dos principais problemas da cirurgia.

5- Por um fio

10 Livros que todo médico deve ler - Por um fio

Neste livro, Drauzio Varellla revela através de histórias reais um pouco de sua experiência em Oncologia Clínica. Ele analisa os efeitos da convivência com a dor, diante da perspectiva da morte, no comportamento tanto de seus pacientes quanto no dos familiares. O médico especializou nesta área em um tempo que a palavra câncer era cercada de tabu, sendo sussurrada como “aquela doença”. Durante 30 anos, ele clinicou diariamente com pacientes graves e esta experiência é repassada para as páginas de uma forma sensível e cuidadosa. Uma marca registrada em seus livros anteriores, como “Estação Carandiru”. Se há tristeza, também apresenta esperança, relatando curas consideradas como quase impossíveis.

6- Mortais – Nós, a Medicina e o Que Realmente Importa no Final

10 Livros que todo médico deve ler - Mortais

Best-seller do médico americano Atul Gawande, cirurgião da Johns Hopkins e fonte de inspiração do programa “Safe Surgery Saves Lifes” da Organização Mundial da Saúde (OMS), que conseguiu reduzir em mais de 50% as taxas de infecção de ferida operatória nos hospitais onde foi corretamente implantado. O livro revela os trunfos dos profissionais e também aborda as persistentes perguntas que a Medicina não consegue responder, acerca do envelhecimento e da morte. Ao apresentar uma pesquisa reveladora e de histórias comoventes, tanto de pacientes quanto da própria família, o médico e autor expõe suas próprias limitações. De maneira provocadora e honesta, a obra propõe uma reflexão acerca do caminho que a Medicina deve percorrer para que a morte possa ser encarada com sabedoria.

7- Sob Pressão – A Rotina de Guerra de Um Médico Brasileiro

10 Livros que todo médico deve ler - Sob Pressão

Um dos livros que todo médico deve ler, sem dúvidas! A obra que traz o depoimento do cirurgião torácico Márcio Maranhão para a jornalista Karla Maranhão. Triste, comovente e corajoso, o relato expõe a nu uma realidade que se assemelha a muitas encontradas pelos médicos no falido sistema de saúde pública Brasil afora. Sua fala é sem firulas, sem se prender a termos técnicos e procedimentos para demonstrar sabedoria. Depois de 15 anos de trabalho em hospitais municipais e estaduais do Rio de Janeiro, ele viu seu idealismo juvenil pela profissão escorrer pelos dedos. O Hospital Souza Aguiar, maior do município do Rio para emergências, é chamado por ele de “Inferno de Dante”.

8- O Futuro da Humanidade

10 Livros que todo médico deve ler - O Futuro da Humanidade

Este é o primeiro romance do psiquiatra Augusto Cury, que narra a trajetória do jovem Marco Polo, estudante de Medicina que logo no início do curso, em uma aula de Anatomia, fica indignado com a total indiferença e a falta de sensibilidade dos professores ao falarem sobre os cadáveres que os alunos teriam que dissecar. A obra se propõe a provocar uma reflexão sobre a sociedade e o rumo da vida das pessoas. Marco Polo honra o espírito livre do navegador veneziano que inspirou seu nome e, com sua indignação, desafia profissionais renomados para provar que os pacientes com problemas mentais precisa de menos remédio e mais respeito e dedicação. Ao apostar no diálogo e na Psicologia, provoca uma grande reviravolta entre as pessoas com as quais convive.

9- Das Tripas Coração

10 Livros que todo médico deve ler - Das Tripas Coração

Escrito pelo historiador britânico de Medicina, Roy Poter, o livro traz vários relatos históricos sobre as práticas médicas desde os primórdios até os dias de hoje. Aborda temas como doenças e seus tratamentos, os dilemas dos profissionais e os avanços dessa ciência na luta para manter a saúde e prolongar a vida das pessoas. Em cada capítulo são enfocados subtópicos como a doença, os médicos, o corpo, o laboratório, os tratamentos, a cirurgia e o hospital. Além disso, destaca as transformações da Medicina diante das doenças que têm afligido a humanidade, abrangendo desde a saga dos caçadores-coletores da pré-história, passando pela ascensão das sociedades agrícolas às mazelas trazidas pela Revolução Industrial e pelas facilidades do comércio global.

10- A Estratégia da Lagartixa – Uma Viagem pelos Bastidores da Medicina

10 Livros que todo médico deve ler - A Estratégia da Lagartixa

Dario Vianna Birolini escreveu o livro de uma forma descontraída e assim desmistifica o médico sempre colocado em um pedestal. Diversos casos são retratados, compondo um painel bastante realista sobre o dia a dia de um profissional: desde sua entrada na faculdade, com a aprovação no vestibular e o trote, passando pelas primeiras aulas com pacientes, até o período de interno e de residente e a carreira como médico. De uma forma leve e com um toque de humor e sem concessões, levanta questões importantes, para que também os pacientes saibam das angústias e limitações do profissional.

Esperamos que tenha gostado da nossa lista de 10 livros que todo médico deve ler.

TOP 10: melhores livros de anatomia para comprar

Passou no vestibular, entrou na Universidade de Medicina e agora está de frente à inúmeras matérias diferentes, adaptação à faculdade e não sabe quais livros comprar para iniciar seus estudos?

Foi para você que preparamos esse post, para te ajudar na escolha do seu material de estudo.

Antes de falar sobre os “melhores” livros de anatomia, lembre-se de que você deve escolher o livro/material que melhor se adeque à SUA forma de estudo.

O que é bom para a maioria nem sempre será bom para você. Mas vamos então ao que interessa!

Hoje a nossa serie vai ser um TOP 10 melhores livros pelo seguinte: você precisa saber diferenciar, em anatomia, o livro texto do livro atlas. Vão ser 6 livros texto e 4 atlas.

O livro texto traz a abordagem teórica do assunto, descrevendo anatomicamente os órgãos e partes do nosso corpo, podendo trazer também imagens básicas para ilustrar.

Já o livro atlas traz imagens e desenhos de peças anatômicas, indicando apenas o nome das partes, sem fazer um aprofundamento teórico.

Quanto ao livro texto, temos alguns que atendem às expectativas durante o estudo. Todos a seguir são livros de volume único, ou seja, a anatomia de todo o corpo está descrita em um único livro.

Segue abaixo a lista dos livros texto:

LIVRO 1: “Anatomia Orientada para a Clínica” – Moore 

É um livro claro, que traz, em seus “boxes azuis”, correlações clínicas, lesões e patologias comuns, associadas à anatomia da área que está sendo estudada.

Além disso, traz algumas imagens ilustrativas dos temas abordados. A edição mais recente do livro é a 8ª, publicada em dezembro de 2018 – acabou de sair do forno.

É um livro muito utilizado, por atender bem aos alunos. Você não pode deixar de conferir.

LIVRO 2:  “Gray’s – Anatomia de Gray’s”

O nome do livro já virou até série, sendo “Gray’s Anatomy” uma das séries mais famosas por aí. O livro é um clássico, que teve sua primeira edição em 1858.

Seu texto é claro e completo e, em 2016, a 41ª foi publicada, trazendo um texto ainda mais aprimorado.

O Gray’s, assim como o Moore, traz imagens ilustrativas e, para enriquecer ainda mais o seu estudo, traz imagens de raio-X, tomografia computadorizada, etc.

LIVRO 3: “Anatomia Humana Sistêmica e Segmentar” , de Dangelo e Fattini.

O livro é brasileiro e traz um texto de fácil compreensão, direto e completo. Pode ser um aliado para você por ser um livro curto, mas completo.

Está entre os livros de referências de diversos concursos nacionais, graças a sua excelente qualidade.

Em relação às imagens, Dangelo e Fattini trazem a maior parte de suas imagens em preto e branco, que é uma desvantagem, mas basta você estudar tendo-o em mãos juntamente com um atlas.

LIVRO 4: “Anatomia” , de Gardner.

Um ótimo livro. Traz toda a anatomia, desde os conceitos mais básicos, fazendo uma boa correlação de tais conceitos. É também um dos melhores livros de anatomia.

Porém, é um livro com poucas figuras (e as que tem são em preto e branco), que teve sua última edição (a 4ª) lançada em 1978, e não traz tanta informação prática, como casos clínicos, relacionados.

Mas, ainda assim, para o estudo da anatomia descritiva, é um ótimo livro.

LIVRO 5:  “Anatomia Humana Básica” , de Spencer 

É uma opção para quem busca um livro texto de anatomia, pois traz a anatomia de forma clara e entendível.

Porém, assim como o livro anterior, sua última edição foi a 2ª, publicada em 1991, e não traz correlações clínicas.

BÔNUS 1: “Neuroanatomia Funcional”, por Angelo Machado.

Agora, vai uma dica especial para quem está se aventurando na neuroanatomia, o MELHOR e CLÁSSICO livro é esse!

É um livro bom de ler por ser uma leitura gostosa. Traz com excelência a neuroanatomia, sendo uma grande referência neste estudo. Vale MUITO a pena, não deixe de ler.

LIVRO 6: “Anatomia Clínica Baseada em Problemas” 

Foi escrito por professores de anatomia e médicos com experiência clínica, como Lucia Pezzi, Silvio Neto.

O último livro texto que trarei hoje como sugestão é um livro de casos clínicos, no qual você pode estudar a anatomia a partir de um caso clínico, o que muitas vezes é bom por tornar o estudo mais interessante, além de ser como um encaminhamento, um apontamento sobre o que estudar.

O livro traz perguntas referentes aos casos clínicos, facilitando o aprendizado por levar o estudante a buscar respostas para tais perguntas.  

Quanto ao livro atlas, para o estudo das peças anatômicas, naquelas centenas de horas que você ficará no anatômico a partir de agora – se prepare para o cheiro de formol – há também alguns livros preferidos pelos estudantes.

Segue abaixo a lista dos atlas

LIVRO 1: Sobotta 

é um atlas de Anatomia muito bom. Traz ilustrações (em desenhos) das peças anatômicas em ótima qualidade com imagens claras.

A desvantagem do Sobotta é ser 3 volumes, ou seja, 3 livros que ilustram toda a anatomia. A edição mais recente é a 24ª, publicada em janeiro de 2018.

LIVRO 2: Netter, 7ª edição.

Possui figuras ótimas, com alta qualidade, desenhos de mestre.

Grande referência quando se trata de Atlas de Anatomia e com uma grande vantagem em relação ao Sobotta, é um livro de volume único. Vale a pena tê-lo.

LIVRO 3: “Atlas de Anatomia Prometheus” , de Schulte, Schumacher, e Schunke.

Às vezes, você vai viajar e quer levar um atlas de anatomia, mas ainda nem sabe qual parte do corpo vai estudar. Levar 3 livros é mais difícil do que um só, né? Mas, em questão de conteúdo, é um ótimo atlas.

É também um bom atlas, traz a anatomia e algumas correlações clínicas. Porém, assim como o Sobotta, é um livro de 3 volumes, o que, ao meu ver, é uma desvantagem pela questão de porte dos livros.

LIVRO 4: “Atlas de Anatomia Humana Fotográfico de Anatomia Sistêmica e Regional”, de Yokochi.

É um atlas diferente dos falados acima, por trazer fotos reais das peças anatômicas.

É um livro muito bom para auxiliar o seu estudo, por aproximar-se mais do real, e, assim, você já vai se familiarizando com as peças que você estudará no anatômico.

Particularmente, meus preferidos livros texto de anatomia foram/são “Anatomia Orientada para a Clínica” do Moore, por trazer de forma clara a anatomia juntamente com a correlação clínica, e o “Neuroanatomia Funcional” de Angelo Machado.

Quanto ao atlas, apesar de já ter estudado por todos aqui citados, escolhi o Netter , por trazer, em volume único, a anatomia de todo o corpo e em ótimas figuras.

Mas enfim, escolha o que melhor se adeque a você, estude e seja feliz.

É isso galera, espero ter ajudado um pouco na escolha de seus livros. Bons estudos!!! Até a próxima!

TOP 5: melhores livros de Fisiologia para comprar

Hoje vêm mais um post da série “TOP 5: melhores livros”, e trago indicações importantes de livros de fisiologia.

A fisiologia, não é somente uma matéria extremamente importante no ciclo básico do curso médico, mas é também uma base para o ciclo clínico e para todo o aprendizado, por ser a ciência que estuda o funcionamento fisiológico do nosso organismo. Ou seja, como o organismo funciona em condições normais e, uma vez alterado esse funcionamento, pode estar acontecendo algo e deve ser observado.

É uma disciplina que deve ser bem considerada nos seus estudos e, por esse motivo, a escolha do material de estudo é sempre fundamental para o seu aprendizado.

Para te ajudar na escolha, hoje trago alguns livros de Fisiologia listados a seguir para te auxiliar em suas escolhas, para que seu estudo seja o melhor e mais proveitoso possível.

TOP 5: segue a lista abaixo

LIVRO 1: “Tratado de Fisiologia Médica”, de Guyton e Hall.

É um best-seller, sendo considerado o melhor livro-texto de fisiologia do mundo, e, sinceramente, não discordo.

É um ótimo livro, que traz uma linguagem clara e boa para ser lida. Não é um livro que faz você cansar logo na primeira página. Traz todo o conteúdo de fisiologia, e, inclusive, traz algumas abordagens fisiopatológicas estimulando o raciocínio clínico.

Em alguns assuntos, às vezes ele é um pouco superficial, repetindo certas coisas, mas não aprofundando tanto. E, então, você pode associá-lo com um outro livro para aprofundar mais seus conhecimentos.

Mas vale MUITO a pena.

LIVRO 2: “Fisiologia”, de Berne e Levy.

É também um ótimo livro, mais direto que o Guyton, apesar de se aprofundar mais, o que é bom no estudo da fisiologia.

É, portanto, uma importante opção para seus estudo. E você pode fazer a leitura do Berne isoladamente ou, como eu disse, associá-lo à leitura do Guyton, o que com certeza enriquecerá seus estudos.

LIVRO 3: “Fisiologia Médica de Ganong”.

É um livro muito bom quando se trata principalmente de fisiologia endócrina, por trazer com detalhes a parte fisiológica e bioquímica do tema.

Não recomendo que você o use como única literatura, e sim como uma complementação.

LIVRO 4: “Fisiologia”, de Margarida Aires. 

É um livro completíssimo, que traz a fisiologia de forma aprofundada.

Porém, o livro traz muito mais do que apenas a fisiologia, trazendo também histologia e etc. Com isso, acaba se perdendo, sendo um livro pouco didático, mas com ótimo conteúdo.

Você pode usá-lo para buscar mais detalhes que, por ventura, não foram encontrados em outros livros, como o Guyton ou Berne.

LIVRO 5: “Fisiologia”, de Linda Costanzo.

Traz conceitos básicos da fisiologia, de forma simples e didática, bom para ter um encontro inicial com a fisiologia.

Assim como o anterior, não deve ser utilizado como única literatura, por ser básico e superficial.

BÔNUS: “Fisiologia Humana: uma abordagem integrada”, de Dee Unglaub Silverthorn

Este livro é direto, preciso, didático, porém, superficial. É um livro que deve ser utilizado como leitura inicial, uma vez que ele não aprofunda tanto no assunto.

Também traz imagens que ajudam a associar o conteúdo. Portanto, pode ser usado como uma literatura de apoio, e não como a principal.

Durante meus estudos de fisiologia, optei por utilizar principalmente o Guyton e, quando queria alguns detalhes a mais sobre determinado tema, utilizava o livro de Berne e Levy.

Ler o conteúdo nestes livros, juntamente com o conhecimento obtido durante a aula ajudam imensamente no estudo da fisiologia.

A leitura dos livros é importante, pois ela te traz detalhadamente os assuntos e, assim, você consegue desenvolver seu próprio raciocínio daquele conteúdo.

Bons estudos!!

Veja também o ”TOP 5: melhores livros de Bioquímica para comprar

%d blogueiros gostam disto: